Ela Foi Dar Uma Corrida, Agora Está Lutar Pela Vida. A Razão Pela Qual Vai Chocá-lo!

Muitas vezes as pessoas podem encontrar-se em situações perigosas. Há lugares ou circunstâncias que são mais perigosos do que outros, mas coisas terríveis podem acontecer em qualquer lugar a qualquer um.

[adinserter block=”8″]

Algumas áreas têm sinais que alertam as pessoas sobre o perigo, mas a segurança de algumas áreas também depende de quem ou o que lá mora. A história destas duas corredoras mostra como à primeira vista, um lugar seguro pode vir a ser algo aterrorizante. As infelizes participantes nesta história são as primas, Isabella George com 19 anos e Rebekah Forgey com 20 anos.45

Durante uma corrida atravessaram um campo, e foram atacadas por 4 furioso pit bulls. Eles atacaram e morderam as jovem durante meia hora e nem mesmo o seu próprio dono conseguiu impedi-los.Os cães só fugiram ao ouvir o barulho de um camião. A mulher que estava conduzir o camião levou as duas vítimas até ao hospital mais próximo.

As duas primas ficaram gravemente feridas. Isabella tinha mordidas profundas ao longo de todo o corpo, mas teve alta do hospital para recuperar em casa.030516-victimsIN-1bRebekah, por outro lado, estava em pior condição. Os cães arrancaram 75% do seu couro cabeludo e alguns músculos da perna. Ela precisou de ficar mais tempo nos cuidados intensivos.

Os 4 cães foram abatidos pela polícia e o Departamento do Xerife local apresentou queixa contra o proprietário, pois ficou provado que os cães atacaram por estarem famintos.

As corredoras recuperaram após vários meses. As feridas foram curadas. Mas Rebekah passou meses em fisioterapia. Agora ela sente-se melhor.

Latest Comments

Leave a Reply